domingo, 26 de junho de 2011

sábado, 18 de junho de 2011

Músicas que mencionam livros: VILA DO SOSSEGO: ZÉ RAMALHO

VILA DO SOSSEGO: ZÉ RAMALHO

Oh, eu não sei se eram os antigos que diziam
Em seus papiros Papilon já me dizia
Que nas torturas toda carne se trai
Que normalmente, comumente, fatalmente, felizmente,
Displicentemente o nervo se contrai
Oh, com precisão

(Nos aviões que vomitavam pára-quedas)
Nas casamatas, casas vivas, caso morras
E nos delírios meus grilos temer
O casamento, o rompimento, o sacramento, o documento
Como um passatempo quero mais te ver
Oh, com aflição

Meu treponema não é pálido nem viscoso
Os meus gametas se agrupam no meu som
E as querubinas meninas rever
Um compromisso submisso, rebuliço no cortiço
Chame o Padre "Ciço" para me benzer
Oh, com devoção



Sobre o trecho:
"Nos aviões que vomitavam pára-quedas..."
Zé Ramalho encontrou e extraiu essa frase por meio do livro 'Piloto de Guerra' do autor Saint-Exupéry, sua fonte de inspiração.


Essa canção faz parte do primeiro disco e leva o nome da casa "Vila do Sossego" onde o cantor residia na praia de Maraíra em João Pessoa.



*Fonte: Youtube

terça-feira, 7 de junho de 2011

Músicas que mencionam livros: Retórica sentimental: Belchior




Retórica sentimental: Belchior

Moro num lugar comum, perto daqui, chamado Brasil.
Feito de três raças tristes, folhas verdes de tabaco
E o guaraná guarani.
Alegria, namorados, alegria de Ceci.
Manequins emocionadas:
- São touradas de Madrid...
Que em matéria de palmeira ainda tem o buriti perdido.
Símbolo de nossa adolescência,
Signo de nossa inocência índia, sangue tupi.
E por falar no sabiá, o poeta Gonçalves Dias é que sabia...
Sabe lá se não queria
Uma Europa bananeira.
- Diga lá, tristes trópicos,
Sabiá laranjeiras.
Aliás, meu camarada, o cantor popular falou divinamente:
Deus é uma coisa brasileira, nordestinamente paciente.
Oh! blood moon.

*Fonte: Vagalume

Tristes Trópicos (fr: Tristes Tropiques ) é um livro do antropólogo e filósofo francês Claude Lévi-Strauss publicado em 1955, na França, pela Editora Plon (Paris).
Uma narrativa etnográfica romanceada, com excertos curiosos sobre sociedades indígenas brasileiras. Aparentemente, apenas um livro de viagem, mas, repleto de passagens onde o autor faz especulações filosóficas sobre o status da Antropologia; análise comparativa de religiões, entre o Novo e o Velho Mundo, as concepções de progresso e de civilização.

Essa canção faz parte do álbum: Medo de Avião de 1979.

Na letra, há a citação de uma personagem:
"...ALEGRIA NAMORADOS, ALEGRIA DE CECI"
Ceci e Peri
são os personagens principais do romance O Guarani, do escritor José de Alencar, inicialmente publicado em forma de folhetim em 1857 quando obteve grande reconhecimento pelo público.
A fase indianista do romancista José de Alencar produziu essa pérola da literatura nacional onde o amor rompe barreiras e grita ao mundo que desconhece limites.
Ambientada numa época em que os preconceitos sociais, tornavam uma verdadeira heresia o amor entre brancos e índios, o Guarani conta o nascimento, crescimento e sacrifício do amor entre Ceci e Peri.
A jovem Ceci, filha de rico proprietário de terras, linda e pura de sentimentos, nutre por Peri, índio criado pela sua família, um sentimento que nem ela mesma consegue identificar como "amor".
Tivessem os nossos jovens hoje mais interesse por esse tipo de leitura, o amor com certeza seria mais valorizado, teria mais sabor.


E para encerrar o tema, temos:
"...E POR FALAR NO SABIÁ
O POETA GONÇALVES DIAS É QUEM SABIA".

O poeta Antônio Gonçalves Dias, que se orgulhava de ter no sangue as três raças formadoras do povo brasileiro (branca, indígena e negra), nasceu no Maranhão em 10 de agosto de 1823.
Em 1840 foi para Portugal cursar Direito na Faculdade de Coimbra. Ali, entrou em contato com os principais escritores da primeira fase do Romantismo português.
Em 1843, inspirado na saudade da pátria, escreveu:
"Canção do Exílio".

Deve-se a Gonçalves Dias a consolidação do Romantismo no Brasil.
Isso porque o poeta trabalhou com maestria todas as características iniciais da primeira fase do Romantismo brasileiro.
De sua obra, geralmente dividida em lírica, medieval e nacionalista, destacam-se "I-Juca Pirama", "Os Tibiramas" e "Canção do Tamoio".
Sem sombra de dúvida, essa canção repleta de elementos literários é uma obra-prima do mestre Belchior.
*Fonte: youtube

domingo, 5 de junho de 2011

Músicas que citam livros: 40 - U2





‘40’, é a décima e última faixa do álbum "War" de 1983 do U2.
A canção é conhecida pelas performances ao vivo nos primeiros anos de carreira da banda irlandesa.
A letra é uma adaptação do Salmo 40, aliás, um dos meus preferidos.


40: U2

 

I waited patiently for the Lord.
He inclined and heard my cry.
He brought me up out of the pit
Out of the miry clay.

I will sing, sing a new song.
I will sing, sing a new song.
How long to sing this song?
How long to sing this song?
How long, how long, how long
How long to sing this song?

You set my feet upon a rock
And made my footsteps firm.
Many will see, many will see and hear.

I will sing, sing a new song.
I will sing, sing a new song
I will sing, sing a new song.
I will sing, sing a new song
How long to sing this song?
How long to sing this song?
How long to sing this song?
How long to sing this song?


Tradução de: 40: U2

Eu esperei pacientemente pelo Senhor.
Ele se inclinou sobre mim e ouviu meu clamor.
Ele me puxou e me tirou do poço,
Para fora de um barro lamacento.

Eu cantarei, cantarei uma nova canção.
Eu cantarei, cantarei uma nova canção.
Quanto tempo cantarei esta canção?
Quanto tempo cantarei esta canção?
Quanto tempo? Quanto tempo? Quanto tempo?
Quanto tempo cantarei esta canção?

Colocou meus pés sobre uma rocha,
E os fez caminharem firmemente.
Muitos verão, muitos verão e ouvirão.

Eu cantarei, cantarei uma nova canção.
Eu cantarei, cantarei uma nova canção.
Eu cantarei, cantarei uma nova canção.
Eu cantarei, cantarei uma nova canção.
Quanto tempo cantarei esta canção?
Quanto tempo cantarei esta canção?
Quanto tempo cantarei esta canção?
Quanto tempo cantarei esta canção?

*Fonte: Vagalume


Fonte: Youtube

Meus vídeos

Loading...